20.ago | 2021

Segurança da Informação: seu celular pode estar espionando você.

Com o avanço da tecnologia e as facilidades que a internet oferece, os ataques cibernéticos têm aumentado consideravelmente nos últimos anos. Um dos alvos mais fáceis de ser invadido é o aparelho de telefone móvel. Com mais de 420 milhões de celulares ativos no Brasil, pensar na segurança dos dados para esses dispositivos tornou-se uma prioridade. Para se ter ideia, o Brasil lidera o número de tentativas de ataques cibernéticos na América Latina, com cerca de 3,4 bilhões de ataques, apenas entre janeiro e setembro de 2020. Os dados são da Fortinet, nossa parceira e especialista em segurança digital.

Sabe aqueles joguinhos contendo inúmeras propagandas que oferecem formas rápidas de ganhar determinado prêmio? Então, essa é uma das estratégias de invasão. A maioria das pessoas não pensam na segurança dos dados nos dispositivos móveis e acabam se tornando vítimas de golpes através do seu próprio aparelho celular. Outra forma comum de ter dados roubados é a utilização de redes WiFi desconhecidas. Quem nunca se conectou com a rede gratuita do shopping, supermercados ou links de locais públicos? Pois é! Na maioria das vezes, esses estabelecimentos não têm uma proteção adequada e acabam colocando seus consumidores em risco.

Abaixo, você confere algumas dicas de como proteger seu smartphone

  1. Proteja o acesso aos dados salvo em nuvem

Os dados salvos no iCloud ou no Google Account pode fazer com que um criminoso tenha acesso a todos seus aplicativos, até mesmo os bancários. Uma forma rápida para se sentir mais seguro é ativar a autenticação em duas etapas e nunca salvar dados confidenciais nestes locais;

 

  1. Coloque senha em tudo

Colocar senhas em tudo que for possível é uma forma de dificultar qualquer tentativa de ataque. O ideal é que as senhas não sejam iguais e não tenham relação com dados pessoais;

 

  1. Cuidado com os aplicativos que você baixa

Muitos aplicativos são a chave para liberar invasões no seu celular. Para usuários da Apple é um pouco mais seguro. A fabricante só libera o aplicativo na sua loja online após passar por uma investigação, mas, mesmo assim, ficar de olho aberto é sempre bom. A dica é sempre verificar quem está disponibilizando o app e pesquisar sobre o desenvolvedor em sites de buscas. E sempre opte por aplicativos oficiais;

 

  1. Cuidado na utilização de redes WiFi e Bluetooth

Quando desconhecer a segurança da rede Wi-Fi, utilize os dados móveis. Sempre desligue sua conexão Bluetooth quando estiver na rua e tenha cuidado com quais aparelhos você faz pareamento;

 

  1. Mantenha o sistema operacional do seu celular atualizado e sempre faça backup

Manter seus dispositivos atualizados é uma das formas de impedir brechas nas falhas que são comuns em atualizações antigas. Por isso, certifique-se de que seu sistema operacional está sempre atualizado! Outra dica é fazer o backup dos seus arquivos periodicamente;

 

  1. Informe a sua operadora sobre o roubo do seu celular

Caso você tenha o aparelho roubado, comunique a sua operadora sobre o roubo. As operadoras possuem um sistema compartilhado que detectam tentativas de uso no aparelho, assim, qualquer movimentação será rastreada.

 

Quer saber mais dicas? Clique aqui e recebe informações exclusivas direto no seu email.